Diário de bordo

Vamos combinar uma coisa, o último dia da semana é domingo e o primeiro é segunda tá? As pessoas começam a dieta na segunda, começam a academia na segunda, a vida só começa na segunda. Domingo é morto, é o último dia, aquele que a gente não dá muita atenção então não tem como uma semana começar no domingo né queridos e queridas?

Dito isso, vem cá que eu vou contar pra vocês o que aconteceu comigo e todos os meus achados dessa semana.

Nos últimos dias a música que ficou tocando no meu cérebro o tempo todo foi Starving – Hailee Steinfeld, Grey ft Zedd e a minha trilha sonora foi Good Vibes que, apesar do nome, são várias músicas bem animadas e dançantes.

Como boa apaixonada por jogos de raciocínio eu amo aqueles joguinhos que tem uma peça presa e você precisa tirar ela de lá, baixei o Unlock Me (play store e itunes) e preciso falar que não consigo parar de jogar?

Descobri o que é mindfulness e, para começar a tentar exerce-lo, baixei o app Zenify (play store e itunes) que dá várias instruções e dicas – diárias e mais de uma vez ao dia – de coisas a fazer para se manter mais conectado ao agora.

Voltei a usar o twitter (@marinafrael) e to achando bem engraçado ver pessoas que eu acompanhava há alguns anos atrás, algumas que até me inspiraram a ser publicitária, e acho realmente divertido ver elas com outros olhos, talvez um olhar de quem entende mais o que está acontecendo.

Ouvi falar da técnica Pomodoro e achei interessantíssimo.

Fui resolver pesquisar estúdios de arte e agora botei na cabeça que em no máximo dois anos terei um. Isso me inspirou a fazer ainda mais arte e por isso resolvi ir comprar alguns materiais que me faltavam, achei uma boa maioria na Casa Cruz e achei que lá tem um preço bem acessível.

Achei esse link com curso de idioma onlines (e gratuitos) que tem até aqueles idiomas que a gente nem dá atenção direito ou nem sabia que existe – como o Esperanto, que vim descobrir graças à esse site.

Descobri esse site fofinho cheio de DIY’s, só que é em inglês.

Comecei a ler o livro Eu sou as escolhas que faço que é a coisa mais fofa e motivadora do universo.

Postei um textinho no meu outro blog onde só posto textinhos.

Achei essa publicidade da Heineken incrívelmente criativa e maravilhosa, é ainda permite que você envie seu currículo para ela. Só amor.

E eu também estreei a playlist do blog, que você pode conferir bem ali na lateral dele.

Mas me contem, e vocês, o que aprontaram essa semana?

Anúncios

Vamos conversar sobre estudos?

Amanhã eu tenho prova e sou uma pessoa incrivelmente procrastinadora.

Desde o começo do período eu digo que vou estudar, que vou organizar minha matéria, que não vou deixar pro último dia antes da prova. Tem umas duas semanas que to dizendo que já passou da hora de eu estudar, que preciso a organizar matéria, que minhas provas começaram logo. Preciso dizer que na última semana novamente falava isso pra mim só que completando com um ‘é urgente!’? Ontem eu iria estudar, juro que sim, mas estava tão inspirada que acabei me dedicando o dia inteiro à arte e nem vi a hora passar.

Hoje é meu dia de folga, sem aula, e meu relógio biológico me fez o favor de despertar às 8h30 (em dias de aula ele quer acordar às 11h00, mas tudo bem!). Aproveitei essas horas que não esperava ter do meu dia – já que pretendia acordar as 11h – para começar a estudar mais cedo, porque já me conheço bem e sabia que um estudo rápido se transformaria em algo de horas e horas e mais horas.

Comecei e tudo parecia estranhamente perfeito, a playlist não podia ser melhor para estudar, a matéria parecia tão fácil e eu estava realmente focada, o que é um certo milagre vindo de mim; isso é claro até minha mãe me chamar. Não a estou culpando, ela nem sabia que eu estava estudando, só que ai tudo se desleixou.

Quando voltei para meu computador tudo era mais interessante que aqueles slides. Meu facebook, que havia conseguido não entrar até aquele momento, tinha diversas notificações. Eu lembrei que precisava checar o instagram e meus blogs. Meu email também precisava de uma checada. E minha agenda. E eu precisava mandar aquela mensagem. E postar naquele perfil que gerencio. E enviar alguns currículos. E procurar trabalho freelancer. E já são 19h33 e eu ainda não terminei aqueles slides.

Onde foi que eu parei mesmo neles mesmo? Página quarenta e eu preciso postar no blog. É, acho que alguém vai virar a madrugada estudando hoje porque amanhã tem prova e é uma pessoa incrivelmente procrastinadora.






Mudando um pouco mais nem tanto de assunto… se vocês, que nem eu, são aquele tipo de pessoa que não sabe estudar no silêncio mas músicas te distraem ouçam essa playlist pra estudar. Eu que sou a pessoa mais desatenta do mundo consegui estudar muito de boa com ela. 🙂

Trabalhando a produtividade

Posso confessar uma coisa? Eu odeio rotinas! Se eu sou a mesma pessoa todo dia eu enjoo de mim, então imagina ter que fazer as mesmas coisas todo dia de forma igual e não muda nunca. É enlouquecedor.

Mas, porém, todavia, entretanto, contudo, ter uma rotina é muito importante, inclusive pra criatividade. Porque criatividade é um trabalho diário e não momentos de inspiração, e pra eu poder trabalhar diariamente isso eu preciso fazer certas coisas todos os dias e dessa maneira melhorar minha produtividade o que aumenta meu lado criativo, mesmo me dando uma raiva imensa de vez em quando.

Pra não chamar de rotina prefiro chamar de rituais, fica mais legal, meio místico rs E eu tenho certos rituais, principalmente quando acordo, antes de ir pra faculdade, e na parte da noite, quando paro de trabalhar.

Hoje eu vou falar dos da parte da manhã. Eles são importantes porque eu sou daquela que demora a despertar, por mais que já esteja de pé fazendo as coisas, então isso me ajuda também a não esquecer de fazer nada, já que vai meio que no automático, e ao mesmo tempo vai me acordando cada vez mais, porque me obriga a pensar um pouco e ir lembrando de tudo que tenho que fazer – mas eu também tenho uma lista de quais são esses rituais e quase sempre vou conferindo pra ver se não esqueci de nada, porque sinceramente não confio na minha memória, ainda mais de manhã.

Eu acordo já bebendo água porque além de ser super saudável ajuda a despertar, e enquanto isso me respondo qual a coisa mais importante para hoje. Depois eu vou tomar banho, me visto – com a roupa que eu já separei no dia anterior – e arrumo a cama, o que é super importante porque além de ficar mais organizado meio que mostra pro meu cérebro que não pode mais voltar pra ela. Dai eu fico cheirosa com meus perfumes e cremes, me maquio, confiro que se já está tudo na bolsa e vou comer.

Nesse meu ritual não existe realmente nada de mais mas também existe, nas entrelinhas.

Autor: desconhecido | Tradução: Agenda de amanhã: 1. acordar 2. beber café 3. descobrir o que eu quero fazer para o resto da minha vida

Por exemplo, as coisas que coloco na minha bolsa, entre elas estão minha agenda salva-vidas que nada mais é do que uma agenda onde está minha vida. Nela eu escrevo todas as ideias que tenho, ou seja, é nela que fica o brainstorm do meu mundo, é onde está todo o rascunho de todos os meus projetos e tudo que eu preciso fazer da vida. Resumindo, sem ela eu não vivo meu dia porque eu não vou saber o que fazer. E ainda por cima se eu tiver uma ideia ela vai se perder porque tenho um incrível problema de mesmo quando eu anoto em outro lugar esqueço onde foi e de passar pra agenda, já que ela não me lembra de passar pra ela. Na minha bolsa também tem uma listinha de afazeres que tem escrito tudo o que eu preciso fazer naquele dia, as coisas mais precisas e concretas como tenho uma reunião ou preciso responder determinado email. Das outras coisas que coloco é a minha garrafa de água pra ficar sempre hidratada, um lanche – um biscoitinho integral ou barra de cereal caso bata fome na faculdade -, verifico se tenho canetas, coloco o caderno da faculdade – ou algumas folhas -, verifico se a carteira, a identidade, o dinheiro e o bilhete único estão na bolsa e todas essas coisa mais necessárias.

Outra coisa bem importante que faço de manhã é me perguntar qual a coisa mais importante pra hoje, e assim me mantenho focada em realiza-la o dia todo.

Como disse não tem nada de muito grande que faça, meus rituais mais importantes eu faço à noite, que é quando eu me preparo para o dia seguinte; mas essas pequenas coisas são bem importantes e salvam meu dia.

E vocês, tem algum ritual/rotina que seguem todos os dias?